segunda-feira, 26 de julho de 2010

Fórum de Marketing Empresarial reúne agências e anunciantes

Evento promovido pelo Lide acontece de 13 a 15 de agosto no Hotel Sofitel Jequitimar, no Guarujá (SP)

O Fórum de Marketing Empresarial, evento promovido pelo Lide – Grupo de Líderes Empresariais, presidido por João Doria Jr. –, e realizado pela Doria Associados e Editora Referência, que acontece entre os dias 13 e 15 de agosto, no Hotel Sofitel Guarujá Jequitimar, no Guarujá (SP), promete ser o maior evento no setor, reunindo grandes agências e anunciantes. “A expectativa é de reunir grandes líderes empresariais e da comunicação em torno do debate, do valor das marcas e do papel do consumidor e do marketing na definição das preferências por marcas, produtos e serviços”, diz João Doria Jr.

Paralelamente às atividades do Fórum, será realizado o Prêmio Lide de Marketing Empresarial que vai homenagear os 33 melhores cases do mercado em 11 categorias. Recebem os troféus as empresas e os dirigentes de marketing empresarial de maior destaque dos últimos 12 meses. No dia da premiação, ainda será revelado um destaque entre os 3 vencedores de cada categoria.

Grandes empresas estão confirmadas para o evento. Entre as participantes estão Nestlé, Casas Bahia, Credicard, Vivo, Fiat, Alpargatas, Banco Itaú, Itautec HSBC, Lincx, Grupo RBS, Unilever, Accenture, Coca-Cola, Correios, Citroën, CVC, Garoto, Walmart, Gocil, Grupo Facility, Mistral, Rede Record, Editora Globo, Editora Três, ESPM, Rádio Jovem Pam, TV+, Burti, Avis e Tetra Pak, Natura, Volkswagen e Terra. Já entre as agências com participação confirmada até a semana passada estão: Y&R, JWT, DPZ, DM9DDB, NBS, Fischer+Fala, Publicis, Leo Burnet entre outras. Está prevista a presença de 200 dirigentes empresariais entre agências e anunciantes.

O evento terá uma diversificada programação de palestras com nomes de peso do marketing empresarial como Héctor Nuñez, presidente do Walmart, com a palestra “Sustentabilidade das Marcas e Direitos do Consumidor”; Ivan Zurita, presidente da Nestlé, sobre “O Valor das Marcas e o Respeito pelo Consumidor”; Michael Klein e Raphael Klein, presidente e vice-presidente de Casas Bahia, com o tema “Classes C e D – Os Grandes Consumidores do Brasil”; além de Stuart Hart, presidente Mundial (Sustentabilidade) da S.C. Johnson e professor da Cornell University, EUA, com o tema “Marcas Locais com Valores Globais”, e Cledorvino Belini, presidente da Fiat, que falará sobre “Marcas que Fascinam”.

De acordo com Doria, o objetivo do evento é destacar a importância do marketing na reestruturação das estratégias das empresas. “Os temas dos conferencistas que estarão no fórum dão a dimensão da importância deste evento”, comenta. “Marcas podem construir ou destruir conceitos e valores de empresas. Nós vamos discutir neste Fórum como tornar marcas construtoras de imagem, posicionamento e resultados. E isto começa por respeitar o consumidor”, acrescenta.

Prêmio Lide

Adonis Alonso, coordenador do Prêmio Lide de Marketing Empresarial, conta que a seleção foi feita a partir de uma reunião entre os organizadores do Fórum que elegeram os 33 homenageados. “Procuramos criar categorias de atuação do marketing moderno com os novos caminhos, como por exemplo sustentabilidade, inovação, responsabilidade social, digital e outras. A ideia é abranger as várias áreas de atuação do marketing nos dias de hoje”, conta.

Os troféus, que são esculturas da artista plástica Anita Kaufmann, serão entregues no dia 13 de agosto, data em que começa o Fórum de Marketing Empresarial, no Guarujá (SP). Para o ano que vem, Alonso adianta que será criada a nova categoria de marketing esportivo para destacar o trabalho das empresas brasileiras em relação aos dois grandes eventos esportivos que acontecerão no Brasil: Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016, no Rio de Janeiro.

A cerimônia de premiação será transmitida ao vivo pela TV+ para os Estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, assim como flashes de todas as palestras.

Dirigente de marketing empresarial
Mauro Multedo, vice-presidente de marketing do McDonald’s
Hugo Janeba, vice-presidente de marketing da Vivo
Rui Porto, diretor de comunicação e mídia da Alpargatas

Empresa de marketing do ano
Fernando Chacon, diretor de marketing do Banco Itaú
Herlander Zola, superintendente de marketing da Volkswagen
Ivan Zurita, presidente da Nestlé

Marketing de serviço público
Adriano Stringhini, superintendente de comunicação da Sabesp
Márcio Nascimento, superintendente de comunicação do Ministério do Turismo
Marcier Trombiere, superintendente de comunicação do Ministério da Saúde

Marketing de sustentabilidade
Elisa Prado, diretora de comunicação da Tetra Pak
José Vicente Marino, vice-presidente de negócios da Natura
Marco Simões, vice-presidente de marketing e sustentabilidade da Coca-Cola

Marketing de inovação
Luca Cavalcanti, diretor de marketing do Bradesco
Walter Zagari, vice-presidente comercial da Rede Record
Milton Yuki, diretor de marketing e produtos da Redecard

Marketing de produto
Lélio Salles Ramos, diretor de marketing da Fiat
Marcelo Velloso, diretor de marketing do HSBC
Izael Sinem, diretor de marketing da Nestlé

Marketing de relacionamento
Eric Boutaud, diretor de marketing da Perdigão
Jorge Ancona, diretor de vendas da Pfizer
Guilherme Paulus, presidente da CVC

Marketing de varejo
Eduardo Maia, vice-presidente de marketing do Walmart
Raphael Klein, diretor de marketing das Casas Bahia
Frederico Trajano, diretor de vendas e marketing do Magazine Luiza

Marketing digital
André Almeida, diretor comercial de mídia digital da Editora Abril
Enor Paiano, diretor de publicidade do UOL
Alexandre Cardoso, diretor de marketing América Latina do Portal Terra

Marketing institucional
Claudia Pagnano, vice-presidente de mercado da Gol
Carlos Lisboa, vice-presidente de marketing da AmBev
Nelson Mello, presidente da Hypermarcas

Marketing de responsabilidade social
Viviane Senna, presidente da IAS – Instituto Airton Senna
Eduardo Sirotsky, vice-presidente do Grupo RBS
João Roberto Marinho, vice-presidente das Organizações Globo

por Ana Paula Jung, do propaganda e marketing

Que respeito?

Em comercial da Nextel na tevê, um MV Bill se exibe sem modéstia: “sou poeta e pensador, respeitado no mundo inteiro”. Sei. É aquele que se deparou em cativeiro com três pessoas amarradas e encapuzadas, em favelas do Rio, enquanto fazia um documentário, e silenciou.

do site de claudio humberto

Contrato de US$ 1 bi na Petrobras sem licitação

A Diretoria Internacional da Petrobras tomou uma decisão que pode provocar prejuízos aos cofres públicos: para realizar serviços de segurança, meio ambiente e saúde em 30 países onde tem escritório, no valor total de US$ 1 bilhão, ao invés de promover licitação internacional, enviou convite a sete empresas: Odebrecht, OAS, Mitsui, Camargo Corrêa, Marubeni, KBR Corporation e Bechtel Corporation.

Sem concorrência
O “convite” apenas a um grupo de empresas impede a participação de outras, o que poderia jogar para baixo o valor do contrato.

Humm...
Das empresas convidadas pela Petrobras, só a Odebrecht, cumpriu algumas formalidades indispensáveis para se habilitar aos contratos.

Desinteresse
As demais empresas convidadas sequer consultaram ou visitaram a Petrobras, o que levantou suspeitas de direcionamento do “convite”.

Ponte Jobim
A ponte que restabelece as relações entre o lulismo e o serrismo, em momentos de tensão, atende pelo nome de ministro Nélson Jobim.

Lula aceita presente superior ao valor-limite
O novo xodó do presidente Lula é um iPad, computador portátil da americana Apple, que ele ganhou do primeiro-ministro do Kuaite, xeque Nasser Al-Mohammed Al-Ahmed Al-Jaber Al-Sabah, em visita a Brasília, há dias. A oposição vai chiar e Lula dirá que não sabia, claro, mas o Código de Conduta do Servidor o proíbe receber presentes de valor superior a cem reais. O iPad custa US$ 800 (cerca de R$ 1.600).

do site de claudio humberto
Aécio e Itamar lideram corrida para o Senado em Minas Gerais
PUBLICIDADE

DE SÃO PAULO

Aécio Neves (PSDB) e Itamar Franco (PPS) lideram a corrida para o Senado em Minas Gerais, aponta pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira.

Segundo o levantamento, Aécio tem 62% e Itamar, 41%. O candidato do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, Fernando Pimentel (PT), aparece com 23% e está em terceiro lugar.

Para ministro de Lula, pesquisa mostra que estratégia de Serra não está dando certo
Datafolha aponta perda de vagas da oposição no Senado

A oposição, no entanto, corre risco de redução do número de senadores nos oito principais colégios eleitorais do país, revela o Datafolha. Segundo pesquisa realizada em sete Estados (SP, MG, RJ, PE, BA, RS e PR) e no Distrito Federal, a bancada de PSDB e DEM cairia à metade (de seis para três) se a eleição fosse hoje.

Segundo a pesquisa, realizada em parceria com a TV Globo, de 20 a 23 deste mês, a bancada do PT dobraria, de dois para quatro senadores.

Excluído o PMDB, que perderá dois governistas e elegeria ao menos dois independentes, a base governista subiria de oito para dez nesses colégios eleitorais. A oposição cairia de seis para quatro.

Entre essas 16 vagas em disputa (duas para cada colégio), haverá renovação de, no mínimo, 62% e a eleição de ao menos nove novatos.

Realizada a 71 dias da eleição, a pesquisa ainda não registra o esforço dos principais cabos eleitorais em apoio a seus candidatos.

Aliado do presidenciável José Serra (PSDB) e potencial beneficiário da divulgação do 45 em São Paulo, Aloysio Nunes Ferreira aparece em sétimo lugar --com apenas 4%, e tecnicamente empatado com Ana Luiza, do PSTU.

Na Bahia, o petista Walter Pinheiro --candidato do governador Jaques Wagner (PT)-- é o terceiro, com 20%.

Como a margem de erros é três pontos, para mais ou para menos, Pinheiro está encostado em Lídice da Mata (PSB), 26%. O senador Cesar Borges (PR) lidera, com 34%.

No Rio, Marcelo Crivella (PRB) tem 42%, e o ex-prefeito Cesar Maia (DEM), 31%.

Editoria de Arte/Folhapress

Editoria de Arte/Folhapress

+ NOTÍCIAS SOBRE ELEIÇÕES

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Etiqueta na internet








(Afonso Dantas)


Imagine a cena. Você está andando na rua ou em algum outro lugar qualquer, quando de repente aparece alguém e lhe pergunta: - Oi, você quer ser meu amigo?
A cena descrita acima pode parecer absurda, surreal, e seria de assustar, mas é o que acontece todos os dias nas redes sociais, como Facebook, Orkut e outras, febres da Internet, quando alguém que você nunca viu na vida – ou já viu, mas que não faz tanta questão de rever – de repente quer começar uma amizade com você. E ainda por cima justifica, dizendo que quer sê-lo porque conhece muita gente em sua lista de amigos, e também está na comunidade “adoro andar descalço na praia” e na “Salvador, a Roma Negra” , por exemplo, como se isso bastasse para situá-la entre seus melhores amigos do peito.
Internet já não é uma coisa tão nova. Já faz algum tempo que as pessoas convivem com esse fantástico novo Mundo, mas que – como todo e qualquer lugar no mundo – tem suas regrinhas básicas, seu manual de conduta, suas regras de etiqueta para um bom e saudável convívio.
O nosso e-mail, por exemplo, é como a caixa de correio de uma casa, e da mesma maneira que você não manda várias cartas para uma pessoa, lotando sua caixa de papéis e mais papéis, você não deve fazer isso por e-mail, só por ser bem mais fácil. É desagradável do mesmo jeito. Ou até mais.
E a exposição que se tem na internet e suas “bobeiras”, como participar de comunidades como “bebo até cair”, “Sou teimoso sim, e daí?” ou “Meu patrão finge que me paga e eu finjo que trabalho” são, claramente, apesar de a sua intenção parecer estar bem longe disso, uma declaração aberta de que você não deve estar nas melhores listas de futuros contratados de empresas grandes, pois hoje, o comportamento on-line e suas ações na vida on-line já são referências para contratações de empresas, que se valem desses locais para recrutamento também. E se você não sabia disso, ou achava isso uma bobagem, uma lenda, tá na hora de parar de achar.
Se nos relacionamentos pessoais, a etiqueta deve ser observada, nas relações comerciais isso é muito mais importante e determinante para bons relacionamentos, sejam "on" ou "off line".
Atire a primeira pedra quem nunca mandou e-mails repetidos – principalmente no início do uso dessa importante ferramenta – pois tinha dúvidas se o primeiro tinha chegado. É como o início do fax, onde se enviava um fax e depois se ligava para saber se tinha chegado bem. A confiança ainda era pouca nesses instrumentos, nessas ferramentas de comunicação. Aí lembro um velho costume que se usava antigamente: Atenção. Retorne os e-mails, por gentileza, não deixe a pessoa do outro lado ansiosa por uma resposta, principalmente se for urgente. Sei de um caso de uma grande empresa que mandou um e-mail fechando um patrocínio de um evento importantíssimo e igualmente disputado, mas inexplicavelmente o e-mail chegou depois do prazo – questão de horas - e a empresa perdeu para uma concorrente. E cabeças rolaram devido a esse - trágico para uns e maravilhoso para outros – incidente.
E a troca de mensagens instantâneas – que com o celular só cresceu – que facilita e muito as comunicações, com redução drástica nos custos? Maravilha! Mas deve ter seus cuidados, sua maneira de atuar. Muitas empresas utilizam com sucesso, e deixam seus funcionários também utilizarem. Mas, imagine outra cena. Enquanto você discute assuntos pertinentes e até urgentes pelo MSN com um cliente ou fornecedor, sua mulher ou sou seu marido fica “aparecendo” com o típico e chatíssimo barulhinho perguntando coisas simples e fora de importância, como: - Vai comprar pão? Ou alguém parece ter um ataque histérico on-line e fica “chamando sua atenção” e perguntando: - Já teve o retorno do patrocinador, já? - Responde! - Você tá aí? - Responde!
Pois é, facilita de um lado e irrita muito do outro...
E o comércio eletrônico? Esse é um dos mais complicados para se fazer se você não tem credibilidade e se você não faz direito, bem feito.
Os Spams são extremamente invasivos e chatos, uma grosseria que invade e lota sua caixa de mensagens, sem autorização, e com um volume absurdo, que faz você perder tempo deletando-os. E quando se coloca um anti-spam acaba perdendo e-mails realmente importantes, pois ficaram barrados pelo filtro, mas por não estarem cadastrados acabaram no mesmo destino das infames “anti-propagandas”. Costumo comparar o Spam ao carro-de-som, ainda tão presente nas cidades do interior e em algumas capitais do Brasil, invadindo sua privacidade, e fazendo você escutar que o mamão papaia está a dois reais o quilo, ao invés de escutar aquela notícia do jornal que te interessa ou o diálogo tão esperado do casal romântico da sua novela preferida.
Aja na vida virtual, como você agiria na vida real. E por falar nisso, quem nunca se viu na seguinte situação: A pessoa on-line, é um doce de pessoa, atenciosa, atenta, nunca se esquece de seu aniversário, te envia mensagens e mensagens de carinho, mas quando está na vida real, olho-no-olho, parece que você é um desconhecido. Tratamento é frio. Ou a pessoa nem te reconhece. Parece que o “distanciamento” das relações virtuais é melhor para alguns, que usam este escudo para se comunicar com o mundo, com bem mais sucesso do que se estivesse na “vida real”.
Vamos usar e abusar das ferramentas de comunicação, deste – faço questão de repetir – maravilhoso novo Mundo, mas não se esqueça de fazer como na vida real, antes de fazer qualquer coisa, peça licença. Se for com educação, você sempre será bem vindo.


Afonso Dantas é Administrador de Empresas com Especialização em Marketing e Sócio e Diretor de criação da Camará Comunicação Total. Blog: WWW.afonsodantas.blogspot.com e-mail: ahdantas@uol.com.br

Artigo publicado originalmente na Revista da Perini

quinta-feira, 22 de julho de 2010

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Pensando bem...
...o goleiro Bruno, do Flamengo, adotou a “solução Lula” sobre o serviço sujo dos amigos: “Não sei de nada, não vi nada.”

do site de claudio humberto

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Ironia do destino

Os presos políticos cubanos reclamam da hospedagem na Espanha. Fosse no Brasil, seriam hospedados em um avião. De volta a Cuba.

do site de claudio humberto
DAS 20 MELHORES ESCOLAS, 10 ESTÃO EM SALVADOR

Colégio Helyos (particular), em Feira de Santana, foi o 1º colocado na Bahia

Das 20 escolas baianas com maior nota no Enem 2009, 10 estão localizadas em Salvador, de acordo com dados informados pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). A primeira colocada do estado, porém, pertence a Feira de Santana. O Colégio Helyos marcou 730,42 pontos no Exame e ficou em nono lugar na classificação nacional. Das relacionadas, cinco escolas são federais e as demais são particulares.

Veja a lista com as 20 instituições em destaque no Estado:

1 - Colégio Helyos, Feira de Santana, Privada, média 730,42
2 - Colégio Nossa Sra da Vitória, Ilhéus, Privada, 701,18
3 - Colégio Anchieta, Salvador, Privada, 696,43
4 - Colégio Militar de Salvador, Salvador, Federal, 692,09
5 - Colégio Acesso, Feira de Santana, Privada, 691,96
6 - Colégio Maria Montessori, Ipirá, Privada, 690,62
7 - Instituto Federal de Educação, Simões Filho, Federal, 690,08
8 - IFBA, Salvador, Federal EMR, 682,55
9 - IFBA, Salvador, Federal EMR e EJA, 681,47
10 - Centro Educacional Villa Lobos, Salvador, Privada, 681,44
11 - Instituto Social da Bahia, Salvador, Privada, 681,20
12 - Colégio Oficina, Salvador, Privada, 681,18
13 - Colégio Piaget, Valente, Privada, 680,19
14 - Escola Nobre, Santo Antônio de Jesus, Privada, 677,60
15 - Colégio Antônio Vieira, Salvador, Privada, 677,29
16 - Colégio Módulo, Salvador, Privada, 671,24
17 - Colégio Sartrecoc, Salvador, Privada, 670,96
18 - Colégio Comercial de Serrinha, Serrinha, Privada, 669,26
19 - Colégio Dínamo, Alagoinhas, Privada, 668,27
20 - Cefet BA, Barreiras, Federal, 667,25

Comentário do blog: O colégio Vitória, segundo colocado, é cliente da Camará Comunicação Total

quinta-feira, 8 de julho de 2010

segunda-feira, 5 de julho de 2010

Centenário de Presciliano Nascimento Coelho

Cordialidade chinesa

O governo Lula paparica a China, mas sua agencia oficial de notícias, Xinhua, divulgou reportagem sobre os “nove piores lugares para viver”. E pôs na liderança duas cidade brasileiras: Rio de Janeiro e Cubatão.

do site de claudio humberto.

‘Secante’

Depois da derrota do Brasil, a oposição vai pedir encarecidamente que Lula não largue o pé de sua candidata Dilma até outubro.

Trair e coçar...

Lula suspeita que os irmãos Jorge e Tião Viana fazem corpo mole no Acre para beneficiar Marina Silva (PV) contra Dilma Rousseff (PT).

do site de claudio humberto.

DESEMPREGADO ‘INVENTA’ FOTOCÓPIA PORTÁTIL



















Foto: BN

Na capital do desemprego, vale tudo para arrecadar qualquer vintém. Um profissional do ramo de fotocópias, por exemplo, usou a criatividade para implementar uma máquina de xerox “portátil”. Pendurado aos seus ombros, como se fosse uma mochila, o equipamento é alimentado por uma bateria de 12 volts presa a uma cinta. Nesta segunda-feira (5) foi o primeiro dia do curioso rapaz, que chamou a atenção de quem procurava resolver suas pendências ou obter informações na Receita Federal. Em frente à sede do órgão, na Rua Alceu Amoroso Lima, no Caminho das Árvores, a impressão cobrada a R$ 0,15, a unidade, foi de grande valia para os que não queriam perder tempo de procurar uma copiadora nas imediações da Avenida Tancredo Neves e ainda gastar mais dinheiro.

(Evilásio Júnior, do Bahia Notícias)